A revista semanal dos entusiastas | jorn. resp. MTB 0088750/SP
FlatOut!
Image default
Top

Família a jato: os sedãs e SUVs mais absurdamente potentes já feitos

Quando o McLaren F1 foi revelado, em maio de 1992, ele era algo de outro planeta. Motor V12 naturalmente aspirado, mais de 620 cv, e só uma questão de tempo até que ele se tornasse o carro mais veloz do planeta. Pouco antes, em 1987, a Ferrari F40 era dona do mundo com seu V8 biturbo de 478 cv – menos de 500 cv, caras. Vamos reclamar sempre dos carros cada vez mais anestesiados e insossos, grandes e pesados. Mas não podemos negar que nunca se pode comprar carros tão potentes – alguns deles, beirando o absurdo. Fica até difícil filosofar. Você tenta encontrar justificativas, e a Dodge aparece com um SUV de família, o Durango, equipado com seu V8 Hellcat, uma das maravilhas do mundo moderno em forma de motor. Hemi, 6,2 litros, supercharger, 720 cv e 89,1 kgfm. Mesmo a versão mais mansa ainda é razoavelmente potente, com 294 cv do motor V6 Pentastar de 3,6 litros. https://www.youtube.com/watch?v=kGvFtCiUt3Q Realmente, uma família não precisa de mais que 300 cv para se locomover – m

Matérias relacionadas

25 anos de Audi RS: os carros mais marcantes da RennSport

Dalmo Hernandes

Estes são os carros que fizeram nossos leitores gostarem de carros – parte 1

Dalmo Hernandes

Os barn finds mais incríveis já encontrados no Brasil

Dalmo Hernandes