FlatOut!
Image default
Zero a 300

Ford Maverick aparece sem camuflagem, VW interrompe produção no Brasil, Jeep apresenta conceito elétrico e mais


Bom dia, caros leitores! Bem-vindos ao Zero a 300, a nossa rica mistura das principais notícias automotivas do Brasil e de todo o mundo. Assim, você não fica destracionando por aí atrás do que é importante. Gire a chave, aperte o cinto e acelere conosco!

O Zero a 300 é um oferecimento do Autoline, o site de compra e venda de veículos do Bradesco Financiamentos. Nesta parceria, o FlatOut também apresentará avaliações de diversos carros no canal de YouTube do Autoline – então, clique aqui e se inscreva agora mesmo (e não esqueça de ativar o sininho)!

 

Ford Maverick é fotografada sem disfarces nos EUA

A Ford Maverick, picape monobloco intermediária do oval azul, está cada vez mais próxima – e já está até se mostrando para as câmeras. O site TFL Truck publicou algumas imagens enviadas por um leitor, e nelas a Maverick aparece sem camuflagem, aparentemente durante a gravação de um comercial.

Embora não se veja a dianteira, as fotos mostram que a lateral tenta emular uma picape mais tradicional, com carroceria sobre chassi, no desenho da silhueta: formas mais e robustas, capô alto e vigia traseiro bem vertical, sem a inclinação que dá à Fiat Toro, por exemplo, contornos mais modernos e jeito de carro de passeio. Fica evidente, também, o parentesco com o Bronco Sport – especialmente na região da coluna A, capô e portas dianteiras.

A Ford ainda sequer confirmou que lançará mesmo a Maverick, mas é dada como certa até mesmo sua chegada ao Brasil, importada do México, justamente para enfrentar a Toro. Resta esperar e ver se, mesmo com o clima não muito amistoso que a Ford enfrenta no Brasil, a nova Maverick encontrará seu espaço. Por aqui, deve haver ainda mais resistência por conta da associação do nome Maverick ao clássico da década de 1970.

 

Ford Bronco Sport já roda no Brasil quase sem disfarces

Falando em Bronco Sport, o SUV retrô da Ford também circula quase sem camuflagem – e no Brasil. O fotógrafo Renato Saraiva conseguiu flagrar uma unidade rodando pela Avenida Europa, em São Paulo.

A foto mostra a traseira do veículo, que teve apenas o nome e os emblemas tampados com camuflagem adesiva. Pela consulta da placa, trata-se de um exemplar registrado em Camaçari (BA) – o que leva a crer que se trata de uma das unidades que desembarcaram na Bahia há cerca de dois meses. A Ford trouxe alguns exemplares da versão First Edition, de lançamento, equipada com motor 2.0 Ecoboost de 250 cv e 37,7 kgfm de torque – o mesmo que já esteve no Ford Fusion.

A expectativa é que o Ford Bronco Sport seja o primeiro modelo importado desta nova fase da fabricante no Brasil, custando acima de R$ 200.000.

 

Jeep apresenta Wrangler elétrico no Easter Safari

Como faz todos os anos, a Jeep levará alguns conceitos para a edição 2021 do Easter Safari, uma das maiores reuniões de proprietários de Jeep em todo o planeta, realizada em Utah, nos EUA. E, desta vez, um deles é um Wranger elétrico – que deve dar uma boa noção do futuro que a marca planeja.

Chamado Wrangler Magneto, o Jeep tem 285 cv provenientes de um motor elétrico na dianteira. A fabricante adaptou a estrutura de um Wrangler tradicional e, por isso, precisou manter o câmbio manual de seis marchas e a caixa de transferência, resultando em um veículo que, segundo a Jeep, passa a mesma sensação ao dirigir que um exemplar equipado com o motor V6 Pentastar de 3,6 litros. Exceto, claro, pelo ronco (ou a falta dele).

O Wrangler Magneto é alimentado por um conjunto de quatro baterias instaladas em posições estratégicas para melhor distribuir as massas – uma no lugar do tanque de combustível, outra no porta-malas, outra perto das rodas dianteiras e outra acima do motor elétrico. No total, elas têm 70 kWh de capacidade e

não são montados lado a lado. Eles são colocados respectivamente no lugar do tanque de gasolina, no porta-malas traseiro, próximo às rodas dianteiras e acima do motor elétrico, dentro do compartimento do motor. Isso, segundo o fabricante, para uma melhor distribuição de peso.

A Jeep não comentou detalhes como autonomia ou tempo de recarga, o que evidencia que este é um protótipo ainda em fase inicial de desenvolvimento. Mas não duvidamos que, em um futuro breve, uma versão de produção do Jeep Magneto seja revelada.

 

Aston Martin Vantage F1 Edition é revelado com inspiração no Safety Car

Depois de revelar a versão safety car do Vantage, que será usado na temporada 2021 da Fórmula 1, a Aston Martin agora apresenta o Vantage F1 Edition, inspirado pelo carro-madrinha.

É fácil deduzir que se trata apenas de uma série com visual diferenciado – e de forma discreta: fora a pintura verde “Aston Martin Racing Green” (que também pode ser preta “Jet Black” ou branca “Lunar White”), o carro tem alguns detalhes em cinza fosco, faróis com lente escurecida e rodas de 21 polegadas com novo desenho.

Acontece que não é só isto. O motor V8 biturbo AMG de quatro litros agora entrega 535 cv (25 cv a mais que a versão “normal”), com os mesmos 69,8 kgfm de torque – e teve a ECU reprogramada para ficar com uma curva mais ampla. Além disso, o câmbio automático de oito marchas também recebeu uma nova calibragem para trocas mais rápidas. Já a direção e a suspensão foram ajustadas para entregar uma dinâmica mais direta e com menos rolagem da carroceria.

A Aston Martin já está aceitando encomendas do novo Vantage F1 Edition, e as entregas começam em maio na Europa.

 

Novo Peugeot 308 não terá versão hot hatch

Recém-apresentado, o novo Peugeot 308 impressionou pelo design bem resolvido e pelo interior conceitual – e promete dar trabalho para o VW Golf na Europa. Mas, diferentemente da VW, a Peugeot não está disposta a dar ao 308 versões esportivas. Não haverá nem GTI (até porque a sigla foi aposentada publicamente pela Peugeot), nem Peugeot Sport Engineered. Pois é…

Segundo a Peugeot, o motivo é simples: os hot hatches entraram em colapso e não têm mais espaço no mercado porque, com as leis de emissões de CO2 na Europa, é muito mais difícil fazer um hatchback esportivo potente que passe na homologação.

Uma solução seria usar a eletrificação para conseguir mais potência sem aumentar o consumo ou as emissões. Nesse caso, a Peugeot também é contra – mas porque deixaria o carro mais pesado, o que é contraditório em um hot hatch. Por outro lado, uma versão totalmente elétrica está praticamente confirmada – assim como o novo 308 perua.

Este Uno 1.5R pode ser seu!

Participe!

Clique aqui e veja como

Compartilhe agora