FlatOut!
Image default
História

Impala SS: o último Chevrolet tradicional


Nada neste mundo chega a nós perfeito e sem contraindicações. Esta é uma verdade absoluta, ensinada à minúcia em escolas de engenharia mundo afora: escolha alumínio invés de aço e sua peça será menos pesada; mas uma que precisa de mais volume de material, e um que é mais cara, nem que seja pelo simples fato de que a obtenção do metal alumínio requer mais energia. Perde-se aqui, ganha-se ali; é a vida. Quanto antes aprendermos isso, mais fácil fica viver. O automóvel moderno é uma máquina fantástica e evoluída, mas o preço que pagamos por isso é conhecido: com a evolução da indústria como um todo, o automóvel converge para algumas soluções reconhecidas como as melhores, e se perde em variedade e criatividade. Tomando o automóvel como uma máquina apenas (que, efetivamente, é), é inevitável que isso aconteça. Junte a isso legislações cada vez mais restritivas, que faz necessário vender cada vez mais carros (ou carros infinitamente mais caros) para pagar homologaçõe