A revista semanal dos entusiastas | jorn. resp. MTB 0088750/SP
FlatOut!
Image default
Car Culture

Koizyztraña de Motor 3: quando uma revista criou um tipo de carro diferente

“Tanta gente precisando de carro, e esse careca aí desmontando um Landauzão desses!”- mecânico desconhecido, ao ver a criação do Koizyztraña. Que a revista Motor 3 era diferente das outras, mais tradicionais publicações automobilísticas, a esta altura já sabíamos, ao início de 1982. A publicação criada por José Luiz Vieira, o JLV, na Editora Três em 1980 era tudo menos normal. Principalmente porque era uma publicação feita por entusiastas para entusiastas. Apesar de todas as tecnicidades serem explicadas à minúcia para que o leigo pudesse entender e aprender, a revista falava para quem, como sua redação, respirava apenas assuntos automobilísticos de forma diária. Era quase um papo animado entre amigos, se não fosse o profissionalismo claro da publicação. Avaliar os carros novos de maneira clara e isenta era o negócio das revistas normais, e Motor 3 também o fazia, e de forma muito mais detalhada que as outras: muitas fotos, mais detalhes, textos longos e muito bem

Matérias relacionadas

São Paulo, 1988: lembre como eram as ruas e o trânsito da cidade (e do Brasil) há três décadas

Leonardo Contesini

O Honda mais rápido do mundo chegou a 421 km/h… com um motor de três cilindros!

Leonardo Contesini

Chassi 00001: este é o primeiro Chevrolet Corsa fabricado no Brasil

Dalmo Hernandes