A revista semanal dos entusiastas | jorn. resp. MTB 0088750/SP
FlatOut!
Image default
Car Culture

O guia das versões especiais do BMW M3 (e agora do M4) – Parte 5: a quinta geração (F80/F82/F83)

Nas primeiras partes desta série, conhecemos as sete versões e séries especiais do BMW M3 de primeira geração (E30), as sete da segunda geração (E36), as quatro da terceira geração (E46) e as nove versões especiais da quarta geração (E90/E92/E93). Agora, chegou a hora de conhecermos as 17 versões e séries especiais (sim, dezessete!) da quinta geração do M3. Lançada em 2014, a quinta geração do M3 trouxe uma grande ruptura com o histórico do esportivo. Como disse no primeiro post da série, nesta geração dotou o downsizing e voltou aos motores seis-em-linha (agora turbo), mas em uma decisão inexplicável a BMW decidiu que o M3 deveria se chamar M4 — um nome que ninguém nunca ouviu e que nunca foi associado a nenhum dos valores e qualidades associados à linhagem. É como se o Papa acordasse e decidisse que, a partir da próxima Páscoa, Jesus se chamará Márcio. Felizmente o novo nome não diminuiu as qualidades do ex-M3: ele continua com a boa distribuição de peso propor

Matérias relacionadas

Volkswagen W12 Nardò: o supercarro de Wolfsburg que (infelizmente) nunca foi produzido

Dalmo Hernandes

Mercedes-Benz SSK by Barker, o carro mais rápido do mundo (em 1929) | Os Reis de Pebble Beach

Dalmo Hernandes

Mercedes C30 CDI: quando a AMG decidiu fazer um o esportivo movido a diesel

Leonardo Contesini