A revista semanal dos entusiastas | jorn. resp. MTB 0088750/SP
FlatOut!
Image default
Car Culture Carros Antigos

O guia de versões especiais do Golf GTI – Parte 1: Mk1 e Mk2

Há 45 anos a Volkswagen lançava o Golf, seu segundo modelo com motor arrefecido a água. Lançado somente um ano depois do Passat, ele consolidou a transição dos velhos boxer a ar para os novos quatro-em-linha de arrefecimento líquido ao se tornar o modelo mais bem-sucedido da marca na época. Mais do que isso, ele se tornou o nome mais vendido da Volkswagen em toda a sua história, superando até mesmo o Fusca, ainda que tenha conseguido isso ao longo de pouco mais de quatro décadas e considerando suas sete gerações — foram mais de 30 milhões de Golf ante 22 milhões de Fusca. Tamanha popularidade faz dele um carro razoavelmente comum, mesmo os mais antigos, mas como praticamente todo best-seller, ele teve dezenas de versões especiais bem mais raras que as versões regulares. Muitas delas foram feitas sobre versões espartanas, que basicamente recebiam opcionais e itens estéticos de versões mais caras. Isso elevaria a contagem de versões para 98. Além da inviabilidade pela ausência de

Matérias relacionadas

Pescara: o circuito de Fórmula 1 que era mais longo e mais perigoso que Nürburgring Nordschleife

Dalmo Hernandes

A história dos emblemas mais icônicos de marcas de automóveis – Parte 1

Dalmo Hernandes

O guia de versões especiais do Porsche 911 | Parte 1: a primeira geração

Leonardo Contesini