A revista semanal dos entusiastas | jorn. resp. MTB 0088750/SP
FlatOut!
Image default
Zero a 300

Os carros mais vendidos em abril de 2020, o SSC Tuatara em ação, Volkswagen considera Golf de 400 cv e mais!

Bom dia, caros leitores! Bem-vindos ao Zero a 300, a nossa rica mistura das principais notícias automotivas do Brasil e de todo o mundo. Assim, você não fica destracionando por aí atrás do que é importante. Gire a chave, aperte o cinto e acelere conosco.

O Zero a 300 é um oferecimento do Autoline, o site de compra e venda de veículos do Bradesco Financiamentos. Nesta parceria, o FlatOut também apresentará avaliações de diversos carros no canal de YouTube do Autoline – então, clique aqui e se inscreva agora mesmo (e não esqueça de ativar o sininho)!

 

Os carros mais vendidos em abril

Mais um mês encerrado, mais um mês com o Onix na liderança. Desta vez, porém, os números despencaram em relação os três primeiros meses do ano. Isso, porque a quarentena praticamente paralisou as vendas de automóveis no Brasil, reduzindo o volume de vendas em 76% comparado a março, levando o mercado para o patamar de 2006. Por isso, o Onix caiu de 12.007 para 3.619 unidades em abril — volume inferior ao do décimo colocado no mês passado.

Seus rivais não foram muito melhores, mas a queda foi menor: o HB20 caiu de 7.042 unidades para 2.837, mas superou o Ford Ka e retomou a segunda posição pela primeira vez desde sua reestilização. Pelo jeito o público acostumou ao visual do modelo. Além disso, a Hyundai lançou mão de uma estratégia agressiva de valorização dos HB20 usados na troca pelo modelo novo, o que levou muitos proprietários do modelo antigo a seguirem com a marca.

Enquanto isso o Ford Ka viu suas vendas caírem de 7.103 para 1.842 unidades, o que o levou a ser ultrapassado pelo Onix Plus, o novo terceiro colocado do mercado, com 2.223 unidades. Aqui, contudo, há uma distorção que precisa ser notada: a Chevrolet está somando os modelos “Joy” na conta do Onix e do Onix Plus, daí a vantagem sobre os rivais.

Na quinta posição uma surpresa que também só poderia acontecer nessa distorção da pandemia: a Toyota Hilux se tornou a picape mais vendida no país em abril, ocupando a quinta posição. Foram 1.762 unidades — somente 80 unidades atrás do Ford Ka e 49 à frente da Fiat Toro, a segunda picape mais vendida em abril.

Na sétima posição vem o Gol, com uma regularidade impressionante para um carro que já está em seu décimo segundo ano de estrada. Com 1.648 unidades ele caiu uma posição, mas se mantém sempre nessa região intermediária do top 10, e sempre como o best seller da Volkswagen.

Atrás dele vem outro mestre da regularidade, a picape Fiat Strada, que está ganhando uma nova geração, mas ainda se mostra a picape mais adequada para o trabalho, combinando a confiabilidade de um projeto consolidado pelo tempo a um preço inicial atrativo para frotistas e empresas. Foram vendidas 1.630 unidades em abril.

O top 10 é completado pelo Renault Kwid, atualmente o modelo de entrada com a melhor relação custo/benefício do mercado — ainda que seja apenas o melhor de dois —, que vendeu 1.622 unidades neste mês quase parado; e o Chevrolet Tracker, o novo crossover mais vendido no Brasil. Mesmo lançado dias antes do início da quarentena, ele conseguiu emplacar 1.395 unidades em abril, desbancando o Renegade por 240 unidades.

 

Com a gradual flexibilização da quarentena prevista para maio — e já iniciada em algumas regiões do Brasil —, é provável que os números deste mês sejam sutilmente mais altos que os de abril, mas ainda estamos longe de ver um volume de vendas semelhante aos de março porque mesmo após a retomada das atividades econômicas, o mercado irá sentir o impacto econômico da quarentena. (Leo Contesini)

 

SSC Tuatara demonstrado em ação

Depois de anos de espera a SSC finalmente revelou seu candidato a carro mais rápido do planeta em ação. O SSC Tuatara e seu V8 biturbo de 5,9 litros e 1.750 cv aparece neste curto vídeo de 50 segundos, acelerando por uma rodovia longa, reta e plana, e exibindo os movimentos da suspensão e a força de sua aceleração.

O vídeo tem algo irônico: a escassez capilar do piloto e o logotipo em forma de escudo xadrez fazem parecer, por um instante, que se trata de uma certa fabricante sueca de supercarros. Mesmo em 50 segundos, o SSC Tuatara parece bem mais refinado que seu antecessor e o outro recordista de velocidade americano, o Hennessey Venom GT.

Infelizmente, ainda não há menção alguma ou previsão de quando o SSC Tuatara tentará quebrar o recorde de velocidade superando as 300 mph/482,8 km/h. (Leo Contesini)

 

Novo DiRT pode ficar mais acessível – e deve chegar em breve

DiRT Rally 2.0 é um dos melhores e mais realistas simuladores de rali da atualidade – e um dos mais desafiadores tecnicamente, também. É uma experiência e tanto, mas tem uma curva de aprendizado bastante íngreme. Mas há indícios de que o próximo título da franquia terá uma abordagem mais acessível. E ele não deve demorar muito para chegar.

A Codemasters publicou em seu site uma carta para os jogadores de DiRT Rally 2.0, comunicando o fim das Seasons e avisando que novos updates e “algumas surpresas” ainda estão sendo preparados. Mas a grande novidade é um novo jogo. “Preparem-se para ver algo novo ganhando vida no mundo de DiRT muito em breve”, diz o comunicado. “[O jogo será] desenvolvido em um estúdio separado da equipe de DiRT Rally aqui na Codemasters, e estamos muito empolgados com o que vem por aí.”

O fato de ser desenvolvido por uma equipe diferente pode significar uma abordagem mais parecida com DiRT 4, de 2017, que trazia uma dinâmica menos punitiva e dois modos de condução – Simulation, para os mais hardcore, e Gamer, mais adequada a novatos. Quanto à data de lançamento, é fácil imaginar que o game chegue em 2021, visto que a Codemasters costuma lançar um novo DiRT a cada dois anos. (Dalmo Hernandes)

 

Picape Hyundai Santa Cruz tem carroceria revelada em foto

Depois de aparecer camuflada em alguns flagras, a Hyundai Santa Cruz revela as formas de sua carroceria em uma nova imagem vazada, enviada ao site Motor1 – só a carroceria mesmo, sem as faces frontal e traseira, rodas, suspensão ou qualquer detalhe de acabamento. Mas já podemos ter uma noção de como ficará a nova caminhonete monobloco da Hyundai.

O perfil é semelhante ao que se vê no conceito, com quatro portas, caçamba curta e coluna “C” inclinada – não muito diferente de uma Fiat Toro, por exemplo. Mas a Santa Cruz será maior, usando como base a plataforma do SUV Santa Fe e equipada com motores de seis cilindros em linha a diesel – e até mesmo uma variante híbrida está nos planos. Sua pegada será mesmo a de um SUV – ela será vendida só nos Estados Unidos, por enquanto, e seu público alvo são os que vão utilizá-la como veículo urbano. Afinal, as picapes são daily drivers muito comuns nos EUA.

A Hyundai Santa Cruz deve começar a ser produzida no primeiro semestre de 2021, depois que a fabricante atualizar sua planta no Alabama. (Dalmo Hernandes)

 

Golf R pode ganhar versão “Plus” com mais de 400 cv

Há muito tempo circulam boatos sobre um VW Golf R mais potente, com 400 cv ou mais. A própria Volkswagen atiça tais rumores há algum tempo – como em 2014, quando o conceito R400 foi mostrado no Salão de Pequim e chegou a ser confirmado pela Volks pouco depois, mas acabou cancelado em 2019 por questões de custo.

Agora, de acordo com informações obtidas pelos australianos do WhichCar, o Golf R de 400 cv sai. Batizado “R+”, ou “R Plus”, o carro não deve chegar ao mercado antes de 2023 – tempo suficiente para que o Golf Mk8 amadureça e que os novos Golf GTI e R preparem o terreno. A publicação ainda diz que o hot hatch, que seria um rival para o Mercedes-AMG A45 e mesmo para o primo RS3 Sportback, não recebeu o sinal verde dos executivos, mas é um projeto que tem o apoio pessoal do próprio CEO Herbert Diess.

Quanto à mecânica: a Volkswagen havia pensado em utilizar o cinco-cilindros turbo do Audi RS3 no Golf R+, mas a marca das quatro argolas não parece muito disposta a dividir o ouro. Por conta disto, considera-se a adoção de um conjunto híbrido, com um motor elétrico para somar potência e mover as rodas traseiras. Não seria estranho, levando em conta que o recém-apresentado Touareg R tem seus 460 cv graças a um conjunto híbrido. (Dalmo Hernandes)

Matérias relacionadas

Os games de corrida mais legais da sexta geração de consoles, parte 1

Dalmo Hernandes

McLaren P1 se acidenta nos EUA, Chris Harris testa a LaFerrari em vídeo, smart ForTwo Brabus terá 120 cv e mais!

Leonardo Contesini

O BMW Série 7 no qual Tupac Shakur foi assassinado está à venda por US$ 1,5 milhão

Dalmo Hernandes