A revista semanal dos entusiastas | jorn. resp. MTB 0088750/SP
FlatOut!
Image default
História Zero a 300

Peugeot Quasar: o 205 do Grupo B que foi transformado em um supercarro

Não é difícil entender por que os fãs dos hot hatches franceses são tão fiéis aos carros que admiram. O Peugeot 205 e suas variações esportivas e de competição, por exemplo, são um argumento fortíssimo: de um carro relativamente mundano, o Peugeot 205, saiu a pequena gema chamada 205 GTI, um dos grandes rivais do Golf GTI nos anos 1980. Este foi a semente para um carro ainda mais incrível: o Peugeot 205 T16, um quase-protótipo com motor 1.8 turbo central-traseiro que foi o maior vencedor da curta e intensa história do Grupo B do WRC. Você conhece a história, provavelmente: a partir de 1982, os organizadores do Campeonato Mundial de Rali decidiram criar um regulamento bastante radical, quase sem restrições técnicas, para a competição. Apenas a parte central do monobloco do Peugeot 205 GTI foi utilizada: um subchassi na dianteira e uma estrutura tubular na traseira foram feitas sob medida para acomodar o motor atrás do banco do motorista – o quatro-cilindro de 1,8 litro da família

Matérias relacionadas

Carro de Nelsinho Piquet desclassificado de Le Mans, BMW M4 CS confirmado no Brasil, O Hennessey de 460 km/h e mais!

Leonardo Contesini

Fórmula 1 voltará a roncar alto, Swift Sport ficará ainda mais leve, Kia Stinger vai de zero a 100 km/h em menos de 5s e mais!

Leonardo Contesini

Governo federal irá investigar possibilidade de cartéis de combustíveis

Leonardo Contesini