A revista semanal dos entusiastas | jorn. resp. MTB 0088750/SP
FlatOut!
Image default
História Zero a 300

Plymouth Road Runner: a história (e o fim) do primeiro muscle car “popular” da história – parte 2

Há alguns dias, começamos a contar a história do Plymouth Road Runner aqui no FlatOut. É uma daquelas histórias longas, e por isto decidimos dividi-la em duas partas. Se ainda não conferiu a primeira, talvez você queira fazer isto antes de continuar lendo. Ou não – a gente não manda em você! Agora, se você já leu, sabe que o ano era 1968, e a ideia era uma só: criar um rival para o Pontiac GTO e para o Ford Mustang ao mesmo tempo – custava mais barato que qualquer outro muscle car e criou concorrência até mesmo internamente. Ele tinha porte avantajado, motores V8 big block e custava menos de US$ 3.000. Mesmo com a chegada do Camaro em 1967, o Plymouth Road Runner rapidamente povoou as ruas e entrou para o imaginário dos entusiastas. Uma parte enorme disto se devia ao Papa-Léguas. A sacada de escolher o nome Road Runner para o novo cupê foi genial: o material publicitário era descolado e falava a língua do público jovem, que era o verdadeiro alvo da Chrysler na época. Um ca

Matérias relacionadas

Mercedes-AMG lança novo E43 com 400 cv, Audi TT RS é flagrado sem disfarces, BMW terá sedã elétrico e mais!

Leonardo Contesini

The Otto: a incrível moto de corrida com motor V8 da Moto Guzzi

Dalmo Hernandes

BMW M5 Competition: 625 cv e suspensão preparada de fábrica para encarar o AMG E63 S

Dalmo Hernandes