A revista semanal dos entusiastas | jorn. resp. MTB 0088750/SP
FlatOut!
Image default
Car Culture Zero a 300

Por que você não deve usar água da torneira no radiador do carro

Essa peça imunda e fora de eixo aí no alto é uma bomba mecânica de água. Em condições normais ela fica presa em um buraco no bloco do motor do carro, e esse triângulo da ponta é parafusado a uma polia, que é girada por uma correia ligada ao virabrequim. Na última quinta-feira ela começou fazer um barulho escandalosamente alto. Sabe o som da destruição? É exatamente esse. Ela simplesmente quebrou. Decidiu que não queria mais bombear água, resolveu parar e quase levou a correia junto. Com a bomba nas mãos ficou claro que seu rolamento travou e, com a carga do motor, acabou quebrando. Só que esse tipo de bomba não deveria quebrar assim. Ela quebrou porque o rolamento foi fragilizado por corrosão e impurezas que foram se acumulando na bomba. E só existe um jeito de isso acontecer: usando água da torneira pura ou misturada a aditivos em proporção errada. Não, eu não uso água da torneira no sistema de arrefecimento do carro, uso um fluido chamado Inugel que já vem pronto pa

Matérias relacionadas

Velozes e Furiosos terá shows ao vivo em turnê, Tesla Model S P100D vai de zero a 100 km/h em 2,28 segundos, Clio Williams Safety Car à venda e mais!

Leonardo Contesini

Este é o belíssimo protótipo do Grupo C da Alfa Romeo que jamais competiu

Dalmo Hernandes

V-Spec II Nür Nismo R-Tune: os detalhes de um dos GT-R mais raros (e com o nome mais complicado) de todos os tempos

Dalmo Hernandes