A revista semanal dos entusiastas | jorn. resp. MTB 0088750/SP
FlatOut!
Image default
Car Culture História

Spirit of Ecstasy: a história do icônico ornamento de capô dos Rolls-Royce

Quando algum bilionário se propõe a comprar um carro de luxo, e quer comprar o melhor carro de luxo que o dinheiro pode pagar, ele não precisa pensar muito: é bem provável que ele compre um Rolls-Royce logo de cara. Os Bentley podem até chegar perto, mas nenhuma delas consegue provocar a mesma percepção de luxo e opulência quanto a Rolls. Mesmo que a Bentley tenha pertencido à Rolls-Royce por quase quatro décadas, entre 1931 e 1970. Por que isto acontece? Pode ter a ver com identidade atual das duas companhias. Desde que foi adquirida pela Volkswagen, em 1998, a Bentley assumiu uma identidade mais esportiva, com linhas mais arrojadas e aerodinâmicas, e motores interessantíssimos como os W12 de seis litros usados por alguns de seus modelos. Já a Rolls-Royce, que foi comprada pela BMW também em 1998, apostou em carros cada vez maiores e mais imponentes, requintados, exclusivos e caros. Não por acaso, há diversos detalhes nos Rolls-Royce que atiçam a imaginação dos pobres mortais que n

Matérias relacionadas

Top Xuning, parte 2: os piores acessórios e modificações que alguém pode instalar em seu carro

Dalmo Hernandes

GReddy 6-AZ1: o supercarro em miniatura transformado em supercarro de verdade (com motor Wankel 20B de 500 cv!)

Dalmo Hernandes

Sobre o carro autônomo da Uber que matou a pedestre: eis os detalhes – e nossa opinião a respeito

Leonardo Contesini