A revista semanal dos entusiastas | jorn. resp. MTB 0088750/SP
FlatOut!
Image default
Car Culture História

Super Leicht: a história do Mercedes-Benz SL – Parte Final

Como vimos na primeira parte desta história, a terceira geração do Mercedes SL acabou permanecendo 18 anos no mercado e se tornou o modelo mais longevo da história da marca. Não foi algo planejado: o desenvolvimento da quarta geração (R129) começou na segunda metade dos anos 1970, mas acabou adiado até 1982 porque a Mercedes estava concentrando seus recursos no desenvolvimento de seu novo modelo compacto W201 — uma resposta à Série 3 da BMW — e da nova geração de seu carro-chefe, a Classe E W124. Com os dois modelos já encaminhados, a Mercedes retomou o projeto do SL. Em 1984 os engenheiros definiram qual seria sua base mecânica e em 1986 o design foi finalizado e registrado. Assim nasceu a quarta geração do Mercedes SL, a R129.   O V12 entra em cena (e a AMG também) Como seus antecessores, o novo SL usava a plataforma da Classe E com o estilo influenciado pela Classe S. E como a Classe E ganhou uma inédita versão conversível, o novo SL ganhou um upgrade que o transfo

Matérias relacionadas

Os melhores clipes musicais com carros já feitos no mundo — parte 2

Dalmo Hernandes

Charlie Whiting: a trajetória do carismático diretor de provas da Fórmula 1

Dalmo Hernandes

Toyota Mega Cruiser: quando os japoneses tentaram fazer seu próprio SUV gigante americano

Dalmo Hernandes