A revista semanal dos entusiastas | jorn. resp. MTB 0088750/SP
FlatOut!
Image default
História

130 anos acelerando: a história e o nascimento do automóvel moderno

Há 130 anos, em 29 de janeiro de 1886 (sim, estamos três dias atrasados), um engenheiro alemão chamado Karl Friedrich Benz foi ao Escritório de Patentes da Alemanha Imperial, em Berlim, para receber o aguardado registro de uma invenção sua que fora concluída no ano anterior. Benz ainda não sabia exatamente para que serviria sua invenção — ele sequer a havia testado —, mas pressentia que ela tinha potencial e por isso achou melhor garantir sua patente. A matrícula DRP-37435 concedida pelo escritório indicava de forma clara e direta o que era essa tal criação: um "veículo movido por um motor de combustão interna". Foi o primeiro registro desse tipo, o que torna Karl Benz oficialmente o inventor do automóvel como conhecemos e usamos até hoje. Mas este é apenas um resumo do início da atual era dos automóveis. Antes de Karl Benz a ideia de um veículo movido por seus próprios meios já havia sido concebida por dezenas de engenheiros e inventores de plantão. Aliás, a locom

Matérias relacionadas

Quando a Porsche parou de fabricar um Mercedes-Benz para fabricar um Audi

Dalmo Hernandes

Circuito de Suzuka: a história de uma das últimas arenas à moda antiga da Fórmula 1

Dalmo Hernandes

Sentra SE-R Spec V, o rival para o Civic Si que a Nissan não teve no Brasil

Dalmo Hernandes