A revista semanal dos entusiastas | jorn. resp. MTB 0088750/SP
FlatOut!
Image default
Carros Antigos Guia de Compra

Ford Maverick: o que você precisa saber na hora de comprar?

O ano é 1973. O Opala já roda no Brasil há cinco anos em dezenas de milhares de unidades e ainda se mantém à frente dos rivais em termos de modernidade e luxuosidade — especialmente em sua versão de topo. Também é um dos objetos de desejo do público jovem, com sua versão SS equipada com o motor 4.1 de seis cilindros.. Mas naquele ano a história mudou. A Ford, que até então tinha somente o Corcel e o Galaxie no país, decidiu preencher o espaço entre os dois com um modelo estrangeiro. Poderia ter sido o alemão Taunus, mas acabou sendo o americano Maverick. Para o motorista comum a escolha foi um erro estratégico da Ford. Para o automobilismo brasileiro, a opção pelo modelo americano foi o início de uma rivalidade que deu origem a dois dos maiores ícones da indústria nacional em todos os tempos: o Maverick V-8 Quadrijet e o Opala SS 250-S. Mas este é o resultado. Vamos primeiro ao começo de tudo. Como o alvo era o Opala, além da versão sedã de quatro portas, a Ford tamb

Matérias relacionadas

Ferrari F40 e F50 em Araxá: dissecamos os detalhes da dupla mais exclusiva do Brasil

Leonardo Contesini

Chrysler Valiant Charger: o Mopar australiano com motor Hemi que você não conhecia

Dalmo Hernandes

350 GT: primeiro de todos os Lamborghini levava um ano inteiro para ser fabricado

Dalmo Hernandes