A revista semanal dos entusiastas | jorn. resp. MTB 0088750/SP
FlatOut!
Image default
Car Culture Pensatas

O Fiat Uno foi o Mini brasileiro

Sempre fui do tipo que curte carros pequenos, leves e práticos – hatchbacks compactos são minha religião, praticamente. Poder estacionar em qualquer vaga, economizar combustível e me divertir quando piso fundo no pedal da direita são argumentos que, para mim, não podem ser facilmente superados. E se o carro em questão tiver uma boa carga histórica, se for relevante e importante para a indústria automobilística em geral, melhor ainda. É por isso que o Mini original – Morris, Austin ou BMC, dependendo do momento de sua história – é um dos meus automóveis favoritos. Ele não foi vendido oficialmente no Brasil em nenhum momento de sua longa história, e isto realmente me entristece. Só que há uma alternativa – um carro sobre o qual eu falo sempre que surge a oportunidade: o Fiat Uno! O original, claro, e não o "novo Uno" lançado em 2010 e vendido até hoje. á uma série de paralelos que fazem do bom e velho Uno o equivalente perfeito ao Mini original. E não falo apenas do

Matérias relacionadas

Identidade: os carros que conservaram por décadas a essência de seu design – parte 1

Dalmo Hernandes

A coleção de Ralph Lauren é a verdadeira garagem dos sonhos

Dalmo Hernandes

As melhores edições especiais inspiradas pela Fórmula 1 – parte 1

Dalmo Hernandes