FlatOut!
Image default
Automobilismo

O incrível (e fracassado) carro de F1 com motor de helicóptero


Já virou clichê dizer que o automobilismo dos velhos tempos era muito mais emocionante, perigoso e romântico que o atual. Mas como dizem por aí, se clichês não tivessem uma ponta de verdade, eles não se tornariam clichês. Estes incríveis monopostos movidos a turbina usados pela Lotus final da década de 60, mostram essa ponta de verdade na comparação com o automobilismo moderno. O fim dos anos 1960 e o começo dos 1970 foram uma fase de experimentalismo e pouquíssimas regras, com uma grande abertura às novidades e descobertas. Havia todo tipo de soluções inéditas, criativas e às vezes um tanto absurdas em busca de alguma vantagem sobre os rivais. Foi assim que surgiram carros de seis rodas, com tração integral, os carros em formato de bule de chá, asas em forma de tábua de passar e com exaustores de hélice na traseira. E um dos maiores "cientistas malucos" da época era Colin Chapman, o gênio fundador da Lotus. Tinha as ideias, as colocava em prática, quase sempre ganhava corridas