FlatOut!
Image default
Car Culture

Esta é a RAM 1500 TRX de 712 cv, a nova picape mais f**a do mundo


Nunca vamos cansar de repetir: os Estados Unidos, de todos os lugares, serão o último refúgio dos entusiastas. E vem da FCA, mais uma vez, outra evidência disso: foi lançada hoje a Ram 1500 TRX (pronuncia-se “T-Rex, como o dinossauro) – uma versão completamente insana e totalmente desnecessária da picape média que um dia já foi Dodge. Motor V8 Hellcat, 6,2 litros, supercharger, mais de 700 cv e quase 90 kgfm de torque – suficientes para ir de zero a 100 km/h em 4,5 segundos. Sim, completamente insana, totalmente desnecessária e, por isso mesmo, 100% sensacional!

Ainda não é assinante do FlatOut? Considere fazê-lo: além de nos ajudar a manter o site e o nosso canal funcionando, você terá acesso a uma série de matérias exclusivas para assinantes – como conteúdos técnicoshistórias de carros e pilotosavaliações e muito mais!

 

FLATOUTER

Plano de assinatura com todos os benefícios: 30% OFF na loja durante a 2ª temporada do Goodguys, acesso livre a todas as edições da revista digital do FlatOut e demais matérias do site, participação no nosso grupo secreto no Facebook (fique próximo de nossa equipe!). Exponha ou anuncie até sete carros no GT40 e ainda ganhe descontos em oficinas e lojas parceiras*!

R$ 26,90 / mês

ou

Ganhe R$ 53,80 de
desconto no plano anual
(pague só 10 dos 12 meses)

*Benefícios sujeitos ao único e exclusivo critério do FlatOut, bem como a eventual disponibilidade do parceiro. Todo e qualquer benefício poderá ser alterado ou extinto, sem que seja necessário qualquer aviso prévio.

CLÁSSICO

Plano de assinatura básico. 15% OFF na loja durante a 2ª temporada do Goodguys, acesse todas as edições da revista digital do FlatOut e demais matérias do site1, além de poder expor ou anunciar até três carros no GT402.

R$ 14,90 / mês

ou

Ganhe R$ 29,80 de
desconto no plano anual
(pague só 10 dos 12 meses)

1Não há convite para participar do grupo secreto do FlatOut nem há descontos em oficinas ou lojas parceiras.
2A quantidade de carros veiculados poderá ser alterada a qualquer momento pelo FlatOut, ao seu único e exclusivo critério.

Foi lá em 2016 que a FCA mostrou pela primeira vez que considerava colocar um motor V8 na Ram 1500. Na época foi apresentado o conceito Rebel TRX, que tinha uma versão amansada do motor V8 Hemi supercharged da Dodge, capaz de entregar 583 cv. A picape era totalmente funcional e, mesmo que tivesse bem menos força que um Dodge Charger Hellcat, não nos importamos. Pois agora que a versão definitiva, que vai parar nas ruas, foi apresentada, ela acabou ficando melhor do que esperávamos.

Não ficamos surpresos, porém – mal faz dois meses que a Dodge mostrou o Durango com motor Hellcat, e ele não foi nem um pouco amansado em relação aos outros modelos que já usam o V8 sobrealimentado. Por que a Ram TRX haveria de ser?

Vamos aos números exatos. Na Ram TRX, o motor V8 Hellcat entrega 712 cv a 6.100 rpm e e 91,7 kgfm a 4.800 rpm. Estes são moderados pela onipresente caixa automática de oito marchas da ZF, aqui batizada TorqueFlite 8HP95, que leva a força do motor para as quatro rodas.

A Ram faz questão de lembrar que a Ram TRX tem sistema 4×4 com reduzida e caixa de transferência com quatro ajuste (Normal, Wet/Snow, Off-Road e Baja), além de controle de largada. Assim, mesmo com enormes pneus fora-de-estrada Goodyear Wrangler Territory de medidas 325/65 (desenvolvidos especificamente para a picape) calçando rodas de 18 polegadas – e mesmo sendo um monstro de 2.880 kg – a Ram 1500 TRX é capaz de ir de zero a 100 km/h em 4,5 segundos e de cumprir o quarto de milha em 12,9 segundos. A velocidade máxima é de “apenas” 189 km/h mas, convenhamos, isto é só um detalhe.

Com estes números, a Ram TRX torna-se a picape produzida em série mais potente e mais veloz do planeta, deixando a Ford F-150 Raptor para trás com uma vantagem enorme. Para refrescar sua memória, a Raptor é movida pelo V6 Ecoboost de 3,5 litros da Ford, calibrado para entregar 457 cv e capaz de levá-la de zero a 100 km/h em 5,5 segundos e de fazê-la cumprir os 402 metros em 13,8 segundos. E, até agora, a Ford Raptor não tinha uma rival à altura.

Esteticamente, a Ram TRX faz questão de mostrar que é a versão mais nervosa da linha. Chama a atenção logo de cara o scoop funcional no capô, necessário para o sistema de indução – a Ram diz que 50% do ar admitido para o motor entram por ali, enquanto os outros 50% entram pela grade. O scoop traz um conjunto de LEDs que, junto com os LEDs no para-choque, criam “uma assinatura de luz que distingue a Ram TRX de qualquer outro veículo nas ruas – de dia ou de noite”, segundo a fabricante. O capô ainda tem acabamento de fibra de carbono aparente e, ladeando o scoop central, dois conjuntos de saídas de ar para ajudar a escoar o ar quente do cofre em alta velocidade.

Os para-choques são exclusivos, assim como as molduras pretas nos para-lamas. São alterações simples em um estilo que já é agressivo por natureza, mas é o suficiente para mostrar que a TRX é algo especial – além dos emblemas exclusivos da versão, claro.

O interior, como nos demais modelos da FCA com motor Hellcat, também tem toques relativamente sutis – detalhes de acabamento em vermelho, bancos esportivos com bastante suporte e quadro de instrumentos digital – em linha com o que se vê nos outros membros da família.

Aliás, se você acompanhou o lançamento dos outros Hellcat, já deve imaginar que a adoção do motor V8 supercharged passa longe de ser um simples swap. E a Ram TRX não é exceção: segundo a empresa, não foram medidos esforços para tornar o chassi da picape mais adequado para receber a força extra. A Ram diz que o chassi é composto por aço de alta resistência com chapa mais grossa e seções hidroformadas, reduzindo a necessidade de soldas – e afirma que apenas 25% dos componentes do chassi da TRX são compartilhados com as demais versões.

 

Suportes do motor, componentes do eixo dianteiro, travessas e braços da suspensão são de alumínio, bem como as skid plates (cinco delas, no total), portas, capô e tampa da caçamba. Esta possui carga útil máxima de 594 kg, enquanto a capacidade máxima de reboque da Ram TRX é de 3.674 kg.

Falando em suspensão: o sistema é totalmente novo, segundo a Ram. Na dianteira há um arranjo com braços assimétricos de alumínio e, atrás, um eixo rígido do tipo five-link. Há amortecedores Bilsten Black Hawk adaptativos e molas helicoidais nos quatro cantos – de acordo com a Ram, mais adequados ao uso extremo a que a TRX deve ser submetida pois pesam menos e geram menos fricção que os costumeiros feixes de molas semi-elípticas.

A fabricante diz que a TRX tem vão livre do solo de 29,9 cm (5 cm a mais que as outras Ram 1500); curso de suspensão de 33 cm (as outras Ram 1500 têm 22 cm); e garante que, com todos os reforços estruturais, não haverá risco de entortar o chassi – sem mencionar diretamente a Ford Raptor, mas obviamente cutucando a concorrente por conta dos casos que surgiram na geração passada e tiveram bastante cobertura da imprensa.

A Ram 1500 TRX estará disponível para encomenda nos EUA até o fim de 2020. Os preços já foram revelados – US$ 69.995 (cerca de R$ 385.000 em conversão direta) pela versão normal, e US$ 90.315 (por volta de R$ 500.000) pela Launch Edition, que será limitada a 702 unidades (referência à potência em hp) e vem equipada com beadlocks nas rodas, sistema de som Harman Kardon com 19 alto-falantes, teto solar panorâmico de série, pintura cinza “Anvil Gray”, santo-antônio Mopar e luzes auxiliares. Para efeito de comparação, a Raptor parte de US$ 53.000 com cabine estendida e US$ 57.000 na versão de cabine dupla –custa bem menos, mas também tem uma desvantagem de 255 cv.

Parece que o lado americano da FCA conseguiu de novo – nos fez desejar um utilitário com todas as nossas forças. Desta vez, uma picape. É o triunfo de tudo o que um carro moderno não deve ser. E nós estamos adorando!

ESTE Gol GTS 1.8
PODE SER SEU!

Clique aqui e veja como