A revista semanal dos entusiastas | jorn. resp. MTB 0088750/SP
FlatOut!
Image default
Car Culture História Vídeos Zero a 300

Toyota Century V12: é assim que os japoneses fazem (ou faziam) carros de alto luxo

No resto do mundo, o Lexus LS (cuja primeira geração é o carro do modo bônus de Street Fighter II) é o carro de topo da Toyota. Se você fizer questão de emblemas da Toyota, a opção cai sobre o Avalon, único modelo acima do Camry que não é vendido apenas na Ásia e Oceania, mas no mundo todo. No Japão, porém, você tem outras opções. Se você for um cara rico normal, você compra o Crown Majesta, lançado em 1991 e atualmente em sua sexta geração. Ele se parece com outros carros da Toyota que você vê por aí – é maior que um Camry, que é maior que um Corolla, mas ao olhar para os três dá para ver que eles são da mesma família.   Com o Toyota Century, que foi criado exclusivamente para o mercado japonês, isto não acontece. Ele é o topo-de-linha supremo da Toyota no Japão, é tão exclusivo, caro e bem feito que pode se dar ao luxo de ter estilo próprio – basicamente a mesma identidade visual desde que foi lançado, em 1967.

Matérias relacionadas

Innocenti Mille e Elba: quando os Fiat brasileiros foram fabricados na Itália

Dalmo Hernandes

Mercedes 6.8 SEL “Red Sow”: a história do carro que colocou a AMG no mapa

Leonardo Contesini

Veja como ficaram os Corvette engolidos pela cratera no museu

Dalmo Hernandes