FlatOut!
Image default
FlatOut

As matérias de 2020 mais lidas no FlatOut


Mais um ano se passou, o FlatOut chegou ao seu sétimo aniversário, realizamos nosso primeiro track day, sorteamos brindes exclusivos para nossos assinantes e FlatOuters, estivemos mais próximos do que nunca, apesar do tal distanciamento. Agora nesta reta final do ano está na hora de olhar para trás, avaliar o que passou para voltar a olhar para a frente e planejar o que queremos para o próximo ano.

A olhada para o que passou chega agora, na forma desta lista das dez matérias mais lidas de 2020. Os planos para 2021? Bem… isso fica para o dia 31/12, quando publicaremos nosso tradicional post com as resoluções de ano novo (fique de olho!).

A matéria mais lida do ano foi esta lista com uma série de propostas e tentativas das fabricantes em reinventar a roda… que usamos para controlar o carro, o bom e velho volante circular que todos os carros adotaram desde o início do século 20.

Quando as fabricantes tentam reinventar o volante

 

Tão intrigante quanto reinventar padrões são os carros abandonados, as concessionárias fantasma, verdadeiras cápsulas do tempo que nos remetem diretamente ao passado de forma cristalina como odores, sabores e imagens gravadas na memória.

Estes Fiat 0km ficaram 30 anos abandonados em uma concessionária na Argentina

É claro que na lista de mais lidos não poderia faltar uma bronca do flatouter ranzinza: eu, Leo Contesini, depois de uma viagem na chuva, decidi fazer uma breve análise daquele personagem bem conhecido por todos nós: o mau motorista que se acha bom de braço.

Os quatro costumes do mau motorista que se acha bom de braço

Dizem que tudo tem um lado bom — mesmo que você seja um imprestável, ao menos de mau-exemplo você serve –, e o lado bom da União Soviética foram as máquinas incríveis que eles fizeram e tentaram fazer durante a Guerra Fria. Uma delas é o Monstro do Mar Cáspio, o maior de todos os ecranoplanos.

O Monstro do Mar Cáspio e a volta dos ecranoplanos

Uma das nossas tradições mais antigas é a postagem de primeiro de abril, sempre feita com notícias falsas, porém inspiradas na realidade. A deste ano foi uma das mais lidas de 2020 e da história do Zero a 666. Tão impressionante quanto o número de leituras é o número de leitores que realmente caíram nas notícias, o que sempre rende boas risadas da equipe e dos próprios leitores depois que a ficha cai.

Lanternas do HB20 estavam de ponta cabeça, Golf Mk8 Bouvier Edition, prefeitura de São Paulo vai apreender carros com rodas réplica, o novo Camaro hatchback elétrico e mais | Zero a 666

Lembra do Porsche Carrera GT e do Lamborghini Murciélago que foram apreendidos há dez anos pela Polícia Federal? Muita gente lembra, porque as novidades sobre o caso foram uma das matérias mais lidas de 2020.

O que aconteceu com o Porsche Carrera GT e o Lamborghini Murciélago da Polícia Federal?

A cultura JDM sempre, sempre atrai milhares de entusiastas. Seja pela combinação de carros mundanos em performances de outro mundo, seja pelo mistério da barreira quase intransponível do idioma japonês, que não faz sentido algum para quem só conhece línguas ocidentais. Quando contamos a verdadeira história do Toyota Supra de 300 km/h do Smokey Nagata, o resultado não poderia ser outro: uma posição na lista das 10 matérias mais lidas de 2020.

A verdade sobre o Supra de 300 km/h de Smokey Nagata e sua prisão nos anos 90

Essa foi uma pergunta que muita gente se fez quando a Koenigsegg apresentou o Gemera: como a Koenigsegg tirou 600 cv de um 2.0 de três cilindros? Diante dessa dúvida existencial da comunidade entusiasta, fizemos o óbvio e respondemos como isso foi conseguido.

Como a Koenigsegg tirou 600 cv de um 2.0 de três cilindros?

 

O ódio é um dos maiores combustíveis da humanidade, capaz de levar bebês fofinhos a fazer coisas horríveis depois de crescidos. Nesse caso o ódio foi o combustível das leituras: foi só falar de carros odiosos que todo mundo se interessou. Felizmente a única coisa horrível dessa história foram os carros mesmo.

Fracassados: estes carros foram odiados no lançamento – com razão

Tragédias têm um efeito incrível sobre a humanidade. Elas sempre nos lembram de que tudo tem um começo meio e fim, que nossa existência não é permanente e que um dia deixaremos tudo para trás. Elas nos levam a contemplar mais a vida, celebrar os feitos da humanidade e ajudam a apagar maus sentimentos para adoçar as memórias. Talvez por isso a matéria dos carros de Kobe Bryant, que nunca foi tema do FlatOut porque era um jogador de basquete, tenha atraído tantos leitores e fãs do lendário #24 dos Lakers.

Os carros de Kobe Bryant: a bela garagem do ídolo dos Lakers

Ainda não é assinante do FlatOut? Considere fazê-lo: além de nos ajudar a manter o site e o nosso canal funcionando, você terá acesso a uma série de matérias exclusivas para assinantes – como conteúdos técnicoshistórias de carros e pilotosavaliações e muito mais!

FLATOUTER

Plano de assinatura com todos os benefícios: acesso livre a todas as edições da revista digital do FlatOut e demais matérias do site, participação no nosso grupo secreto no Facebook (fique próximo de nossa equipe!). Exponha ou anuncie até sete carros no GT40 e ainda ganhe descontos em oficinas e lojas parceiras*!

R$ 26,90 / mês

ou

Ganhe R$ 53,80 de
desconto no plano anual
(pague só 10 dos 12 meses)

*Benefícios sujeitos ao único e exclusivo critério do FlatOut, bem como a eventual disponibilidade do parceiro. Todo e qualquer benefício poderá ser alterado ou extinto, sem que seja necessário qualquer aviso prévio.

CLÁSSICO

Plano de assinatura básico. Acesse todas as edições da revista digital do FlatOut e demais matérias do site1, além de poder expor ou anunciar até três carros no GT402.

R$ 14,90 / mês

ou

Ganhe R$ 29,80 de
desconto no plano anual
(pague só 10 dos 12 meses)

1Não há convite para participar do grupo secreto do FlatOut nem há descontos em oficinas ou lojas parceiras.
2A quantidade de carros veiculados poderá ser alterada a qualquer momento pelo FlatOut, ao seu único e exclusivo critério.

Este Uno 1.5R pode ser seu!

Participe!

Clique aqui e veja como

Compartilhe agora