A revista semanal dos entusiastas | jorn. resp. MTB 0088750/SP
FlatOut!
Image default
Vídeo Vídeos

SIM, EU PILOTEI A MALBINA EM INTERLAGOS: aperte os cintos e aumente o volume!

Boca seca, suor frio nas mãos, inquietude. A ansiedade era grande, me lembrando a sensação de quando andei pela primeira vez no Nürburgring Nordschleife.

Perto do que eu estava a experimentar, todos estes carros modernos que pude avaliar em autódromos eram como videogames. Carros preparados, por natureza, já são bestas selvagens que possuem uma série de artimanhas específicas e, quanto maior a potência, mais aguda tende a ser a curva de aprendizado. Só que aqui, não se trata apenas de um E36 turbo com mais de 550 cv nas rodas, mas sim de um conjunto feito e acertado para corridas, com carroceria widebody escondendo pneus slick imensos como os de um Viper, freios da GT3, uma asa colossal e zero assistência. Em resumo: um limite estratosfericamente alto, no qual teria cinco voltas para conhecer e explorar seus limites. Pense em um tsunami sensorial…

Tenha isso em mente quando for afivelar o cinto comigo e acelerar ao meu lado no vídeo de hoje: esta foi uma das experiências mais incríveis de minha carreira. E agora temos o prazer de compartilhá-la com vocês. Confira todos os detalhes técnicos e a história da Malbina neste outro vídeo.

VÍDEOS RECOMENDADOS PARA VOCÊ

Matérias relacionadas

Porsche explica que os freios dos seus carros não estão com defeito da forma mais alemã possível

Dalmo Hernandes

Lamborghini Aventador decola e atinge dois carros em Londres

Leonardo Contesini

Dois turbos, supercharger e 1.047 cv: toda a fúria do Dodge Challenger Hennessey HPE1000

Dalmo Hernandes