A revista semanal dos entusiastas | jorn. resp. MTB 0088750/SP
FlatOut!
Image default
Edições anteriores

FlatOut Edição 65: a pré-história da F1, o novo AMG GT Black Series, guia de compra do Uno Turbo e mais!

Caros leitores, muito bem vindos à mais nova edição do FlatOut Brasil! Aqui temos elencadas as matérias exclusivas para assinantes. Caso você ainda não faça parte do universo do FlatOut, clique aqui e assine agora mesmo! Caso queira conferir as edições anteriores, clique na imagem abaixo.


 

FlatOut Street

Quem nos acompanha vai lembrar do Fiat 147 Turbo de Saymon Misiak. Mas seu outro carro que aparece hoje no FlatOut é um animal totalmente diferente: uma brasileiríssima Chevrolet A-10 1984… com um V8 de Corvette C4. E que deve estar perto dos 500 cv. Confira os detalhes e fotos deste belo casamento Brasil-USA no FlatOut Street da semana!

Uma Chevrolet A10 com V8 de Corvette | FlatOut Street


 

Guia de compra

Talvez pela fascinação que um esportivo de verdade feito sobre uma base mais humilde exerce sobre todo entusiasta, o Fiat Uno Turbo acabou se tornando um dos mais desejados hot hatches do Brasil. Muito raro – fizeram pouco mais de 1.800 unidades entre 1994 e 1996 – ele também é difícil de encontrar em bom estado, e o preço das unidades bem conservadas está subindo rapidamente. Se você quer um Uno Turbo para chamar de seu, recomendamos fortemente que leia nosso mais recente guia de compra.

Fiat Uno Turbo: tudo o que você precisa saber antes de comprar


 

Nesta terceira lista de usados, o Leo Contesini selecionou sete carros legais para curtir e que podem ser encontrados por entre R$ 25.000 e R$ 30.000. Sim, o meme do BMW V8 virou realidade, mas além dele há opções que muita gente nem imaginava.

O Guia FlatOut de carros usados | 7 carros para curtir por entre R$ 25.000 e R$ 30.000


 

Técnica

Não é só estética: os scoops têm um fundamento aerodinâmico. Por isso eles têm que ser precisamente posicionados de acordo com sua finalidade — ou você terá um enfeite bacana que tira o desempenho do seu carro. Nesta matéria especial explicamos a aerodinâmica por trás (ou seria pela frente?) dos scoops de capô e de teto.

Como funcionam os scoops?


 

História

Morreu no último dia 11 de julho o projetista Yoshihiko Matsuo – o cara por trás das formas (e muito mais) do clássico Nissan 240Z. Matsuo foi o escolhido por Yutaka Takayama, o “Sr. K” para dar forma ao lendário cupê esportivo – uma missão importante, afinal o 240Z seria o responsável por mostrar ao mundo que a Nissan entendia de diversão ao volante. O trabalho da dupla foi impecável, e deu origem a um dos mais idolatrados automóveis japoneses de todos os tempos.

Nissan 240Z: como nasceu o icônico esportivo japonês


 

O maior (em tamanho mesmo, não cilindrada) V8 dos anos 1960 não era americano. O ápice de todos os V8 realmente grandes que apareceram nesta década era alemão, montado debaixo do capô de três carros lendários, verdadeiros mitos imortais do mundo do automóvel.

Motores lendários: o V8 “big block” da Mercedes-Benz


 

Um carro fechado, com portas asa de gaivota e apenas 490 kg em ordem de marcha? Um carro esporte de rua que pesa menos de 800 kg, mesmo com um motor Volvo grandão debaixo do capô? Como a Marcos conseguiu isso nos anos 1960? Simples! Com um monobloco totalmente construído em madeira compensada, colada feito um aeromodelo em balsa.

Carro de madeira? A incrível história de Frank Costin e o Marcos GT


 

Pensatas

“Velocidade é algo que todos gostamos, que está no cerne de nosso amor pelo automóvel. É a velocidade do carro, muito maior que a de cavalos e carroças, o superpoder mais incrível que ele nos deu desde o início. Nos mover mais rápido sempre foi o desejo básico e visceral que levou o progresso, e o automóvel, adiante. E como progredir sem se medir? Medir a velocidade era medir progresso; o mais rápido sempre foi, todas as outras coisas iguais, o melhor. Uma verdade incontestável.
Mas será mesmo?”

Por uma vida sem velocímetro


 

O novo Land Rover Defender, lançado no Brasil esta semana, é um carro infinitamente melhor que o antigo, em toda e qualquer medição objetiva que se faça. Mesmo assim, parece que todo mundo está com um pé atrás aqui. Ninguém sabe por que exatamente, mas algo parece estranho, fora do lugar. Parece errado. Mas como pode algo melhor em tudo estar errado?

Defender x Defender: o novo vai substituir o velho?


 

Car culture

A Mercedes-AMG lançou seu novo GT Black Series e, como prometido, o Leo Contesini trouxe uma matéria especialíssima com todos os detalhes do novo AMG Black Series e de todos os seus antecessores — do esquecido SLK55 AMG Black Series ao já lendário SL65 AMG Black Series.

Magia Negra: todos os detalhes do novo (e dos antigos) AMG Black Series


 

Em 1992 o carro produzido em série mais potente do mundo era a McLaren F1, com seu V12 naturalmente aspirado de 636 cv. Quase 30 anos depois, você pode comprar um sedã ou um SUV bem mais potentes que isto – por uma fração do preço. E ainda levar mais gente e bagagem. Os Dodge Hellcat, os super sedãs elétricos e outros exemplos de mísseis sobre rodas para toda a família estão nesta matéria!

Família a jato: os sedãs e SUVs mais absurdamente potentes já feitos


 

Automobilismo

Fórmula 1 fazendo 70 anos? Bem… só o campeonato, porque a categoria começou um pouco antes. Nesta matéria, o Leo Contesini conta toda a pré-história da Fórmula 1 — desde quando os clubes decidiram que precisavam de um regulamento, até a formação do primeiro campeonato, que completa 70 anos em 2020.

A pré-história da Fórmula 1: como surgiram os Grandes Prêmios e a “categoria máxima”

Matérias relacionadas

FlatOut Edição 36: fim de ano na estrada, a arte quase perdida do “gentleman driving”, as vantagens dos FWD e AWD na chuva e mais!

Leonardo Contesini

FlatOut Edição 13: o novo Corvette de motor central-traseiro, a história de Ken Miles, 25 anos da Audi RS e mais!

Leonardo Contesini

FlatOut Edição 47: as consequências da crise do petróleo, Porsche 996 no Classics e mais!

Leonardo Contesini